Mato Grosso do Sul

Dinapec 2019 apresenta informações sobre nutrição de ovinos

Roteiro Tecnológico mostra resultados de pesquisas sobre suplementação de cordeiros, alimentação de matrizes e outros temas de interesse do setor produtivo
Dalízia Aguiar
Informações sobre manejo nutricional de ovinos estarão em destaque no Roteiro Tecnológico de Ovinocultura que a Embrapa colocará à disposição para os visitantes da edição de 2019 da Dinâmica Agropecuária (Dinapec), entre os dias 20 e 22 de fevereiro. Os participantes terão informações sobre experiências em sistemas de produção que mostram bons resultados sobre desempenho de matrizes e suplementação alimentar para cordeiros, reduzindo intervalo entre as estações de monta ao longo do ano.

Segundo o pesquisador Fernando Reis, do Núcleo Centro-Oeste da Embrapa Caprinos e Ovinos, o uso do creep feeding para suplementação de jovens cordeiros, além de complementar a alimentação, alivia as fêmeas das demandas por amamentação, resultando em uma desmama mais precoce e na possibilidade de que as matrizes possam retornar à estação de monta em um tempo menor. Nos experimentos, realizados em parceria com a Universidade Federal do Mato Grosso do Sul (UFMS), cordeiros a partir de 10 dias de vida já começavam a se alimentar gradativamente da ração fornecida, com um consumo médio de 200 gramas por dia nos primeiros meses.

Outro assunto abordado no Roteiro será a avaliação de forrageiras para a nutrição de matrizes ovinas, que serão apresentados pelo professor Gelson Difante, da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Em destaque, resultados de uso de espécies de Brachiaria e Panicum como recurso forrageiro para alimentação dos animais.

O Roteiro também trará informações sobre o sistema de Propriedade de Descanso de Ovinos para Abate (PDOA) , que possibilita comercialização e embarque coletivos de ovinos. A experiência, adotada no Mato Grosso do Sul, é resultado de parceria entre a Embrapa e a Associação Sul-mato-grossense de Criadores de Ovinos (Asmaco), com objetivo de inserir pequenos criatórios na comercialização legalizada. "É uma forma de contornar a baixa escala, reunindo vários animais para padronizar lotes e ter preços mais equilibrados na negociação de venda, além de evitar a figura do atravessador", destaca Fernando Reis.

Os visitantes do Roteiro Tecnológico de Ovinocultura ainda conhecerão informações sobre cães de pastoreio da raça Border Collie e poderão participar de degustação e análise sensorial de carne ovina. Na avaliação de Fernando Reis, nos últimos anos o público tem se mostrado mais seleto em termos de interesse pelas informações apresentadas. "Vemos uma maior presença de criadores, que mostram curiosidade por questões relacionadas à produção", afirma ele.

A visita ao Roteiro Tecnológico estará aberta na tarde do dia 20 (14 às 16 horas) e, no período da manhã (9 às 11 horas), nos dias 21 e 22, na sede da Embrapa Gado de Corte (Av. Rádio Maia nº 830, Zona Rural, Campo Grande- MS). A programação dos três dias da Dinapec 2019 também terá painéis, encontros e mesas redondas sobre questões do setor produtivo na Tenda Principal, além das oficinas práticas. A programação completa pode ser conferida na página oficial do evento: https://dinapec.com/2019/

Notícia adaptada pela Equipe Capril Virtual com informações Embrapa Caprinos e Ovinos (14/02/2019)


Gostou? Quer receber no seu celular as novidades sobre Ovinos e Caprinos? É gratuito:

WhatsApphttps://bit.ly/zapcapril

2006 - 2019 Grupo Germer - Gestão em Agronegócios Ltda