Pernil de Cordeiro Aromático

IMPRIMIR


Ingredientes:

 

Rendimento: 8 pessoas

  • 1 pernil de cordeiro de aproximadamente 3kg
  • 1 xícara de chá de vinho branco seco de boa qualidade
  • 1/2 xícara de chá de azeite
  • 2 dentes de alho descascados e inteiros
  • ervas frescas variadas (1 ramo de alecrim, 1 de tomilho, 1 de hortelã e 1 de manjericão)
  • 2 colheres de sopa de lemon pepper (se não tiver substitua por pimenta do reino moída na hora, sal e raspas da casca de 1 limão siciliano)
  • 2 colheres de sopa de manteiga gelada picada

 


Modo de Preparo:

No liquidificador junte o vinho branco, o azeite, as ervas frescas, os dentes de alho e o lemon pepper. Forre uma assadeira com papel alumínio, com a parte brilhante para cima, e forre inclusive as bordas internas, para impedir que o caldo do cozimento vaze para fora do papel. Deixe sobrar papel suficiente de um dos lados para cobrir a assadeira. Acomode o pernil de cordeiro sobre o papel alumínio, com uma faca afiada e pontuda faça furos no pernil para ajudar o tempero a penetrar e regue com o molho do tempero. Cubra e deixe descansando por 2 horas.

Quando o tempo da marinada estiver acabando pré-aqueça o forno em 160º. Regue o pernil novamente com o seu caldo e distribua a manteiga picada sobre a carne. Se você gostar de hortelã e alecrim coloque raminhos frescos em cada buraco que você fez com a faca.

Leve o pernil para assar em 160º por 3 horas, retirando-o do forno a cada 1 hora para regar a carne com o caldo que se forma na assadeira, depois aumente a temperatura para 180º e asse sem cobrir por mais 1 hora, ou até perceber que a carne está muito macia e quase dourada por cima. Se achar necessário espete um garfo e gire delicadamente para sentir a textura da carne.

Quando estiver pronto sirva com arroz, salada e batatas assadas.

Dicas:

1) Se você for utilizar um pernil de cordeiro orgânico, certifique-se de que a glândula foi retirada, assim a carne não ficará amarga.

2) A baixa temperatura do forno é importante para que a carne cozinhe lentamente sem queimar, então quanto mais baixa a temperatura e quanto mais longo o cozimento, melhor será o resultado.

3) Caprichar no tempero que vai no liquidificador é importante para que sua carne não fique sem graça e sem sal. Sempre prove o tempero antes, ele deve estar um pouco mais salgado do que o aceitável pelo seu paladar, lembre-se que o pernil é grande e que não tem tempero algum.

4) O tempo de marinada é importante para que a carne absorva bem os temperos, então durante este tempo regue a carne algumas vezes com o preparo da assadeira.

5) O tempo total de forno pode variar de forno para forno, então para não correr o risco da sua carne ficar crua ou queimar é bom ficar de olho no forno, e a cada 30 minutos retirar o pernil e dar uma olhadinha.

6) Esta receita deixa o pernil bem macio e suculento, então fazer um molho a parte não é indispensável, mas se você quiser um molho eu sugiro um de frutas vermelhas ou uma vinagrete de hortelã.

Molho de frutas vermelhas:
Numa panela pequena leve para ferver 2 xícaras de chá de frutas vermelhas da sua preferência, 2 colheres de sopa bem cheias de açúcar e 1/2 xícara de chá de água. Quando levantar fervura abaixe o fogo para o mínimo e cozinhe até engrossar. Eu gosto do molho com pedaços, mas se você gostar bem líquido basta bater o molho com um mixer ou no liquidificador. Este molho acompanha bem diversos tipos de carnes vermelhas.

Vinagrete de hortelã:
Num pilão junte 1 xícara de folhas de hortelã frescas e 1/2 xícara de chá de azeite. Amasse levemente e depois junte suco de 1/2 limão, pimenta moída a gosto e sal a gosto. Misture tudo, coloque numa molheira e leve para a mesa junto com o cordeiro.

Bom Apetite!


Fonte:
Figos e Funghis