Raça Ile de France – papel da raça na ovinocultura, a mulher na ovinocultura e a Associação

No último vídeo da série Raças no Brasil – Ile de France, fizemos um resumo do que a raça traz de benefícios para a cadeia da ovinocultura.

Também temos a participação da mulher na atividade com o prêmio Cabanheira do Ano, instituído pala ABCIF – Associação Brasileira de Criadores de Ile de France.

Para finalizar, com a palavra, o presidente da ABCIF.

Agradecemos de coração a ABCIF por ter “comprado” a ideia e ao Rafael e Denise Paim e a família Maggi (José Otávio, Virgínia e Gabriel) pela disponibilidade e por fazerem nosso projeto virar realidade.

É apenas o início. Aguarde os próximos vídeos!

Raça Ile de France – saiba como escolher uma boa ovelha

No segundo vídeo da série Raças no Brasil – Ile de France, saiba quais as características são importantes para a seleção de boas fêmeas. Com essas dicas, também fica mais fácil na hora de comprar animais bons e com boas características produtivas da raça, gerando mais ganho para a criação. E sabe como essa raça foi trazida para o Brasil, há mais de 40 anos? Confere no vídeo…

O vídeo foi realizado em parceria com a ABCIF – Associação Brasileira de Criadores de Ile de France.

Nas próximas semanas, publicaremos os outros vídeos, onde falaremos sobre os carneiros e o que é importante na escolha de um bom reprodutor, a característica da raça que é de produzir cordeiros em diferentes épocas do ano e um pouco mais sobre o que a ABCIF está fazendo pela raça e pelos associados. Acompanhe!

Você sabe o que significa a tatuagem de registro nos ovinos?

No Brasil, o registro genealógico de ovinos é responsabilidade da ARCO – Associação Brasileira de Criadores de Ovinos, homologada pelo MAPA – Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Para identificar os animais registrados é utilizada a tatuagem nas orelhas. Cada categoria de registro (PO / RGB / SO / RD ou CG) tem uma regra. Entenda qual a tatuagem utilizada em cada caso.

Os animais registrados além de números de identificação da cabanha e do próprio animal, levam ainda símbolos para identificar qual a categoria de registro. Um animal que não tem esse símbolo, que é exclusivo dos técnicos da ARCO, certamente não tem registro. Isso serve para orientar na compra de animais, para não comprar gato por lebre…

Animais PO (Puro de Origem): recebem o símbolo ARCO

Animais PC (Puro por Cruzamento): recebem o símbolo RGB

Animais SO (Selecionados): recebem o símbolo SO

Animais RD (Raça Definida): recebem o símbolo RD

Animais CG (Geração Controlada): recebem o símbolo CG

 

 

Além dessas identificações, animais com genes de prolificidade, como o VACARIA no Ile de France e o BOOROLA no Texel e Corriedale, tem um sinete específico para animais que foram genotipados:

VACARIA: VV, VN ou NN

BOOROLA: BB, BN ou NN